Acompanhe nas redes sociais:

Comércio eletrônico B2B é promessa de bons negócios

LinkedBy > Sem categoria  > Comércio eletrônico B2B é promessa de bons negócios

Comércio eletrônico B2B é promessa de bons negócios

O Comércio eletrônico B2B é uma estratégia de mercado que está faturando alto. Conheça mais sobre esse modelo de comércio e descubra como usá-lo para os seus negócios.

O que é

A sigla B2B significa Bussines to Bussines, ou seja, é uma relação comercial entre empresas. Onde você pode oferecer uma série de serviços possuindo organizações empresariais como clientes.

Os produtos são muito semelhantes ao B2B físico, com a diferença de que a realidade digital aumenta o seu alcance, não precisando restringir as suas vendas apenas à empresas da região.

Alguns exemplos de produtos são:● Contratos de fornecimento de materiais;
● Reposição de estoque;
● Suply Chain;
● Revenda;
● Etc.

Diferenças entre B2B e B2C

O B2C (Bussiness to Consumer) são os negócios onde a empresa vende para consumidores, pessoas físicas. Muitas empresas já possuem o B2C implantado e querem extrapolar para o B2B.

Para isso ser realizado de forma correta é necessário conhecer bem as diferenças entre o comércio eletrônico B2B e B2C, confira:

Perfil do cliente
No comércio B2C um dos principais pontos é conhecer bem o comportamento do cliente final para definir o público alvo com precisão.

Isso faz com que você direcione todo o seu esforço em estratégias pensadas naquele público específico, aumentando o número de clientes e, consequentemente, de vendas.

No B2B o seu cliente é uma empresa, e o volume de vendas dela é muito maior, então na hora de levantar o seu público alvo, você precisa tomar cuidados especiais para não perder bons negócios.

Condições de pagamento

Em um e-commerce B2C, o cliente deve pagar pelo produto e você só envia para o cliente depois que confirmar o pagamento. Já no comércio eletrônico B2B, geralmente, os pedidos são faturados, e após a compra são emitidos os boletos para o cliente pagar.

Impostos

Na venda B2B vários impostos devem aparecer na hora de fechar o valor final, principalmente se o seu cliente for de outro estado. Já na B2C você pode informar apenas o valor final, que o cliente vai ter
que pagar, sem levar em conta vários impostos como IPI, ICM e ST.

Porque o B2B online é um bom negócio?

O comércio eletrônico possui suas vantagens já bem consolidadas, como redução de custo de operação, maior alcance, maiores lucros e etc.

Mas a pergunta que surge é “quais as vantagens de ter empresas como meus clientes?”. Para responder isso separamos alguns itens.

Volume de vendas

Empresas compram, geralmente, em grande quantidade. Então com apenas uma empresa como sua cliente você pode vender mais do que com vários clientes pessoas físicas.

Contratos de fornecimento

Quando você vende para uma empresa, pode conseguir um contrato de venda, se tornando um fornecedor fixo e garantindo uma quantia de vendas mensais.

No caso do B2C, os clientes não querem, e não precisam, realizar um contrato de fornecedor. Quando eles precisam de algo, procuram e compram.

Menos quantidade de clientes

No comércio B2C sempre estamos focando nossa energia para encontrar novos clientes e manter um bom nível de faturamento.

Já no B2B você ainda precisa procurar novos clientes, mas a sua principal preocupação é atender os clientes fixos, que já oferecem uma boa margem de lucro para o seu negócio.

Conheça mais sobre o comércio eletrônico B2B

Vender para empresas é sempre um desafio, e muitas vezes as técnicas de vendas para consumidores físicos não funcionam tão bem.

Agora seu desafio é convencer o gestor de uma empresa a comprar os seus produtos. Essa tarefa nem sempre é fácil.

Acompanhe os nossos conteúdos e descubra mais dicas e estratégias para atuar no mercado B2B e conseguir aumentar os seus lucros, vendendo cada vez mais.

Linkedby

marketing@linkedby.com.br

A Control Informática iniciou suas atividades em 1991 desenvolvendo soluções de ERP para o segmento de bebidas e alimentos. A experiência adquirida em mais de 25 anos permitiu profunda sintonia entre a empresa e o mercado resultando em ferramentas que proporcionam alta competitividade e controle aos seus clientes. Como plano de expansão e internacionalização, criou a Holding “LinkedBy” para gerir as empresas de tecnologia que vêm desenvolvendo e adquirindo desde a última década. A LinkedBy dedica-se a desenvolver soluções de otimização e rentabilidade para empresas dos mais diversos segmentos e portes oferecendo ferramentas de planejamento estratégico e tático.

No Comments

Post a Comment

Comment
Name
Email
Website

Olá! Como podemos ajudar sua empresa?
Powered by
× Podemos te ajudar?